16/06/2020 – Secovi Rio e Cedae simplificam o parcelamento das contas

Dentre as diversas medidas temporárias de enfrentamento ao novo coronavírus, o Governo Estadual editou decretos, autorizando a CEDAE a prorrogar o vencimento das faturas relacionadas ao consumo de água e tratamento de esgoto dos meses de março a junho de 2020, em 60 (sessenta) dias após da data originalmente estabelecida como vencimento. Bem como, facultou ao usuário o parcelamento das faturas, dentro do exercício financeiro de 2020.

 

Posteriormente, o Governo do Estado sancionou a Lei nº 8.769/20, vedando a interrupção de serviços essenciais por falta de pagamento, pelas concessionárias de serviços públicos, assim como determinou que o débito consolidado durante as medidas restritivas não poderão ensejar a interrupção do serviço, devendo ser cobrado pelas vias próprias, sendo vedadas a cobrança de juros e multa.

 

A Cedae implementou essas medidas, conforme se verifica das informações constantes no seu portal (https://www.cedae.com.br/covid).

 

Em situações normais, o pedido de parcelamento deveria ser feito pessoalmente em uma das agências da Cedae. Contudo, em virtude da pandemia do novo coronavírus, o atendimento presencial nas agências está suspenso, devendo os contatos serem feitos através da Central de Atendimento 0800 2821 195, Canal Surdo-mudo 0800 2823 059.

 

O Secovi Rio, objetivando auxiliar os síndicos dos condomínios e as administradoras nessa empreitada, oficiou o presidente da Cedae com o intuito de encontrar uma forma alternativa mais prática e dinâmica para a formalização desse parcelamento, ocasião em que também solicitou a imediata suspensão das ameaças de corte e cobrança de multa por atraso no pagamento, já identificadas em algumas contas.

 

Independentemente dessa medida, cujo resultado pode demandar algum tempo, é importante que o usuário (consumidor), formalize o pedido de parcelamento junto a Cedae. Caso encontre algum óbice nesse atendimento, solicitamos que nos informem a dificuldade encontrada com o envio do protocolo, registro de reclamação ou qualquer outro documento hábil que a comprove, para que com informações documentadas possamos reclamar junto à CEDAE em nome do nosso setor.

 

Fonte: Secovi Rio

16/12/2019 – Chega de desculpas: 2020 sem dívidas!

Um passo importante para iniciar 2020 com o pé direito, é começar planejando seus gastos. O período de férias vai chegando, e, com  ele, as confraternizações, festas, presentes e as despesas inevitáveis. Mas, que tal dar um start no novo ano com aquelas super dicas para você conseguir organizar melhor seus gastos?

 

Passo 1: Quite suas dívidas!

 

Ao invés de utilizar o 13º salário para compras de Natal, você pode usá-lo para quitar as dívidas com juros mais altos. Fuja sempre do crédito especial, e tome cuidado com crédito rotativo.

 

Passo 2: Planeje todos os seus gastos!

 

Separe seus todas as suas despesas, depois, elimine todos os gastos que não são super urgentes. E principalmente, evite comprar por impulso.

 

Passo 3: Crie listas!

 

Escreva bem detalhadamente sua lista de compras, deixando bem claro o valor que você tem para gastar. Se necessário, utilize aplicativos ou sites em que você acha o local que vende o produto procurado pelo preço mais baixo. 

 

Passo 4: Presentes que cabem dentro do seu bolso!

 

Primeiro, estipule o valor que você pode gastar. Presentear pessoas é maravilhoso, mas, melhor ainda, é não fazer com que esse bom momento se torne uma grande dívida no meses seguintes. Busque sempre por coisas úteis, dentro do preço que você pode pagar.

 

Passo 5: Evite os parcelamentos no cartão de crédito!

 

O cartão de crédito ao mesmo tempo em que pode ser o salvador da pátria, ele também pode ser um grande vilão. Principalmente, quando estamos falando de parcelamento. Na maioria das vezes, ficamos com aquele pensamento de “ah!, mas só vence mês que vem” e acabamos fazendo compras com valores mais altos do que realmente podemos pagar. Deixe o limite do seu cartão de crédito para investimentos maiores, como uma televisão nova ou geladeira. 

 

Ainda em 2019, faça seu planejamento financeiro, coloque no papel suas metas e guarde dinheiro para colocá-las em prática. Não deixe para pensar nisso quando já estiver no próximo ano preocupado com as dívidas.

 

Referências: 

Conta com a gente

Infomoney