Porteiro Amigo do Idoso amplia capacitação sobre cuidados com a terceira idade

Entre os dias 24 e 26 de março, cerca de 30 porteiros do bairro de Copacabana, zona sul do Rio de Janeiro, participaram da primeira turma do Programa “Porteiro Amigo do Idoso”, em 2015. O projeto, gratuito e pioneiro, criado pelo Grupo Bradesco Seguros, tem como principal objetivo capacitar o porteiro – apontado como “o melhor amigo do idoso”, em pesquisa realizada pela Seguradora com cidadãos acima de 65 anos – a oferecer melhores serviços e tratamento ao público longevo.
Para Francisco Cleiton Silva, que tem oito anos de profissão, o curso o ajudou a se valorizar como profissional. “A parte mais importante foi eu me valorizar como porteiro. É uma profissão que ainda sofre muito preconceito, mas estamos aqui para, além de nossa rotina, cuidar das pessoas”, conta Cleiton.
As aulas aconteceram no Senac RJ (unidade Copacabana) e durante as oficinas de capacitação, em 12 horas de aulas distribuídas ao longo de três dias, os porteiros tiveram a experiência de se colocar no lugar dos idosos e a lidar com situações comuns para quem convive com pessoas longevas. Para isso, a oficina promoveu uma vivência utilizando óculos para dificultar a visão e pesos nos pés, entre outros artifícios, de forma que os porteiros sintam as limitações da idade e reflitam sobre as dificuldades trazidas por elas.
— O objetivo do Programa é fazer com que os porteiros se tornem ainda mais amigos e possam entender o processo de envelhecimento em todos os seus aspectos. Aquele que está preparado para lidar com o idoso, está preparado para lidar com qualquer público — destaca Eugênio Velasques.
O “Porteiro Amigo do Idoso” faz parte de uma série de ações da Bradesco Seguros, que busca incentivar e contribuir para uma melhor qualidade de vida, bem-estar e saúde para a terceira idade. Em 2015, além de Rio de Janeiro (com três novos bairros atendidos: Botafogo, Flamengo e Tijuca) e São Paulo (capital e agora também em outras cidades: Campinas, Ribeirão Preto e Santo André) —, o programa chega pela primeira vez em Minas Gerais e no Espírito Santo, com previsão de qualificar mais de mil profissionais no total.
(Porteiro Amigo do Idoso)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *