A utilização do EPI mostra-se mais incômoda para quem usa óculos. Além da disputa entre haste e elástico atrás das orelhas, a respiração embaça as lentes. Veja algumas dicas de especialista para lidar com a situação:

 

Em entrevista ao blog GaúchaZH, Alexandre Marcon, chefe do serviço de oftalmologia da Santa Casa, orienta lavar as lentes dos óculos com água e sabão, uma das dicas que mais circula nas redes sociais.

 

— Essa alternativa funciona, porém é preciso ter cuidado para não estragar as lentes. O sabão adequado para este fim é o neutro. Outros tipos podem ocasionar danos e prejuízo — explica Marcon.

 

Após a limpeza, o ideal é deixar o objeto secar naturalmente ou usar um lenço de papel.

 

Outro cuidado importante é com o uso de álcool. O único que pode ser usado sem danificar os óculos é o isopropílico. O produto, no entanto, não contribui para evitar o embaçamento.

 

Por que as lentes embaçam?

 

Isso ocorre devido ao espaço entre o nariz e a máscara, que permite o ar sair das narinas e subir para os óculos. Com o vapor, a água se deposita no vidro. Para evitar que isso aconteça o médico indica uma alternativa muito usada por cirurgiões na hora de uma operação: colocar uma fita adesiva até fixar o tecido rente à pele.

— Quanto mais próxima a máscara estiver do rosto, menos embaça — diz Marcon.

 

Outro método parecido consiste em dobrar o tecido da máscara na parte de cima, para que ele se molde ao formato do nariz mais facilmente. Entretanto, isso só é possível se a máscara for grande, pois você não deve deixar o equipamento curto ao ponto de não cobrir inteiramente a região que precisa ser protegida.

 

Caroline Fabris, coordenadora do Núcleo de Oftalmologia do Hospital Moinhos de Vento, também informou como evitar o embaçamento das lentes. Segundo ela, basta aplicar um pingo de sabão líquido neutro e tirar o excesso com um lenço de papel descartável.

 

— Ao colocar o produto e passar o lenço, o polimento forma uma película hidrofóbica que impede a água de se depositar na superfície. Temos usado essa tática, inclusive, no consultório. – diz Caroline.

 

Além das soluções caseiras, Marcon relata que existem tratamentos que podem ser feitos nas lentes, mas esses métodos só podem ser realizados por laboratórios óticos e necessitam que as lentes estejam fora da armação.

 

 

Fonte: GaúchaZH