Projeto social da Rocinha recebe visita de associação francesa de voleibol sentado

No clima dos Jogos Paralímpicos Rio 2016, o projeto social da Casa Maria de Nazaré, na Rocinha, Zona Sul do Rio, recebeu no dia 13 de setembro a ilustre visita de um time de voleibol sentado da França para ensinar alguns fundamentos da modalidade paraolímpica e bater uma bolinha com as crianças e jovens da comunidade.

Os visitantes vieram da Europa sob os cuidados do técnico Stéphane Girodat, que angariou fundos para a viagem por meio de doações. Ele criou em setembro de 2014 o Vôlei Clube Sarrebourg, associação cujo objetivo é desenvolver e disseminar a prática de voleibol sentado como forma de socialização e divertimento, seja para deficientes, idosos, crianças ou outros interessados sem qualquer limitação física.

O técnico Stéphane Girodat, do Vôlei Clube Sarrebourg, da França, chega com os alunos de voleibol sentado na Rocinha

A coordenadora da Oficina do Sucesso, que conta com o apoio do Secovi Rio, Cecília Carvalho, explica que os alunos do projeto social viveram uma experiência inesquecível. “O Stéphane passou uma mensagem muito bonita de garra e determinação, disse que as pessoas não devem se sentir derrotadas por suas limitações. Ele explicou como uma pessoa deficiente pode ser tornar, sim, um atleta e chegar numa Paralimpíada, fazendo outras pessoas felizes”.

A gestora contou ainda que o interesse veio da própria associação francesa, que queria trazer os alunos para conhecer um projeto social numa favela carioca. Além do técnico e dos oito jogadores com deficiência, participaram do encontro dois fisioterapeutas e dois jornalistas do país europeu. A comandante da UPP da Rocinha, inaugurada em 2012, major Camille Jubram, prestigiou a visita.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *